Incondicional

De repente,
Nenhum palavra de amor mais saiu de nossas bocas.
O fel e a espuma era mais fortes que o gosto de nossos beijos.

Sabe a dor?
Essa que nos infligimos por nos perdermos?
Essa que achei maior a minha,
E a sua, a maior de todas?

Sabe o amor?
Cuja condição foi tê-lo incondicionalmente?
Esse era o maior que tive (tenho),
E o seu, o mais triste do mundo?

Sabe a distância?
Fim de quem ama?
Que a minha foi de quilômetros
E a sua, a mais longe?

Querendo ou não
Nos perdemos nas condições da distância que nos colocamos.
E ainda olho para você
E você olha para mim
Ambos sonhando com a mesma coisa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s