De ViDa DiViDiDa by Venturoli

"Do fundo do estômago, o medo sobe até a cabeça estraçalhando cada idéia, impossibilitando um pensamento conexo e ideal…"


junho 2015

  • Júpiter, Vênus e uma noite enluarada de junho

    Lua ainda linda com céu encoberto.  E eu, de cama, saio incandescido a caçar pai e filha incestuosamente dançando no céu.  O pudor das nuvens não permitiu.  Continue reading

  • Fotografia

    Nada no olhar me fascina tanto Que ver conseqüências impressas Da minha visão apaixonada.  Continue reading

  • Multiplicação

    Às vezes sinto saudades de você.  Às vezes você faz falta.  Às vezes penso em você.  Às vezes quero você ao meu lado.  Às vezes lembro do seu beijo.  Às vezes procuro sua mão.  Às vezes sonho você.  Às vezes ouço sua voz.  Às vezes vejo seu sorriso.  No resto do tempo amo você.  Continue reading

  • Sereia

    Linha que segue o corpo Caminho inusitado da felicidade Ângulos que se deformam em curvas De retas paralelas que se encontram no seu infinito sorriso.  Continue reading

  • A hora dos ratos

    Na escuridão  Quando o Sol já foi Saem da toca.  Nunca se expõem,  Pois são covardes, Pois são medrosos.  Afunda o barco Quando a água invade Correm pelo cordame.  Nunca se expõem  são covardes, são medrosos.  Rosnam os cães  Os gatos espreitam Se perdem a fugir pelos buracos.  Nunca se expõem. Covardes!!! Medrosos!!! Dão-lhes a… Continue reading

About Me

An English diarist and naval administrator. I served as administrator of the Royal Navy and Member of Parliament. I had no maritime experience, but I rose to be the Chief Secretary to the Admiralty under both King Charles II and King James II through patronage, diligence, and my talent for administration.

Newsletter